Domingo, 25 de Janeiro de 2009
4-INTIMIDADE

Inocência

 

 

 

Quando, sorrindo, vais passando, e toda

Essa gente te mira cobiçosa,

Es bela - e se te não comparo a rosa,

E que a rosa, bem vês, passou de moda...


 


Anda-me as vezes a cabeça a roda,

Atras de ti também, flor caprichosa!

Nem pode haver, na multidão ruidosa,

Coisa mais linda, mais absurda e doida.


 


Mas é na intimidade e no segredo,

Quando tu coras e sorris a medo,

Que me apraz ver-te e que te adoro, flor!


 


E não te quero nunca tanto (ouve isto)

Como quando por ti, por mim, por Cristo, Juras

- mentindo - que me tens amor...



ANTERO DO QUENTAL

 

 

Foto Ricardo Sobral - Olhares



publicado por Lumife às 21:31
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.Fazer olhinhos