Sexta-feira, 8 de Julho de 2005
Meu coração tardou
passion1.jpg




Meu coração tardou. Meu coração

Talvez se houvesse amor nunca tardasse;

Mas, visto que, se o houve, houve em vão,

Tanto faz que o amor houvesse ou não. Tardou.

Antes, de inútil, acabasse.


*


Meu coração postiço e contrafeito

Finge-se meu. Se o amor o houvesse tido,

Talvez, num rasgo natural de eleito,

Seu próprio ser do nada houvesse feito,

E a sua própria essência conseguido.


*


Mas não. Nunca nem eu nem coração

Fomos mais que um vestígio de passagem

Entre um anseio vão e um sonho vão.

Parceiros em prestidigitação,

Caímos ambos pelo alçapão.

Foi esta a nossa vida e a nossa viagem.



*



(Fernando Pessoa)


publicado por Lumife às 01:57
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De Anónimo a 9 de Julho de 2005 às 00:16
Espero que tu estejas bem...de coração...vim desejar mil felicidades...um lindo fim de semana pra ti...beijosss...te cuida...Lisa
(http://cantinhoazulceleste.weblogger.com.br)
(mailto:azulceleste_2004@yahoo.com.br)


Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.Fazer olhinhos